Congresos de la Universitat Politècnica de València, IV Congreso Internacional de Investigación en Artes Visuales. ANIAV 2019. Imagen [N] Visible

Por defecto: 
En movimiento: las (im) posibilidades de las imágenes flagradas entre múltiples (im)previsibles.
Myrna de Arruda Nascimento, Ralf José Castanheira Flores, Luciana Chen, João Henrique Tellaroli Terezani

Última modificación: 05-04-2019

Resumen


Como Primeiras Experiências com cinetismo aplicado como Artes Visuais ocorreu NAS décadas Primeiras do Século XX, Quando composições objetos COM e Estruturas Foram Móveis desenvolvidas que pretendem explorar, controle e multiplicai-vos Efeitos Desses elementos e gerados recursos para estética Uma ambientes vida e Espaços para Interações corpora

 

Os espectadores que vivenciaram essas experiências, tiveram a coragem de memorizar os vestígios do jantar em movimento, sabiam que era uma imagem impossível de ser totalmente apreendida e nunca definitiva. Assim como as sensações viviam e reflexos germinavam sobre o que testemunharam, choque chocante, era impreciso e ambíguo.

 

Entre OS Pioneiros Desse tipo de arte que encontramos ou artista Lazlo Moholy-Nagy, autor de Produções MUITAS você experimenta, cuja Abstrata Natureza serviu de referência para INTERESSADOS em explorar Manipulação dois Meios de Comunicação e Não convencionais técnicas, como Investigação estratégia Uma artístico e científico.

 

Seus estudos sobre imagem incluíram o uso da luz como meio de gerar possíveis composições a serem apreendidas apenas em movimento. Portanto, ele explorou a fotografia eo cinema, não como um meio para produzir imagens, mas como áreas transdisciplinares, telhas, cuja altera a percepção sensorial dos observadores, o que lhes permite imaginar, através da desmaterialização de efeitos de iluminação sobreposição, como " Veja se movendo. "

 

Este artigo apresenta dois produtos de pesquisa que os estudos tríade balé bauhausiano de Oskar Schlemmer, em diálogo com a produção de professores não ensino iniciativa centenária alemão. ELES discutidos à luz de curadores e teóricos da arte da, Taís como premissas e materialidades empirismo exploratório de Moholy-Nagy poluídas artistas contemporâneos como ou norte-americano Bill Viola, que investiga como Obter Percepção da da imprecisão tudo de Imagens em Movimento.

 

 


Palabras clave


Arte cinético; Espacialidad; Materialidad ;Visibilidad;László Moholy-Nagy; Bauhaus

Texto completo: PDF